QUARTA-FEIRA, 12 DE DEZ DE 2018
Untitled Document
NOTICIÁRIO - SOCIAIS
18 DE JULHO DE 2018
Adeus a Alberto Nicolau Munaier

No dia 3 de julho Sabará perdeu um de seus filhos ilustres, nos deixou Alberto Nicolau Munaier, na véspera de completar 90 anos, senhor Alberto partiu devido à problemas renais.

Nascido e criado em Sabará, senhor Alberto estudou em alguns escolas de Belo Horizonte tendo uma disciplina bem rígida e levou isso para a vida, criando os cinco filhos com a mesma postura. Além da disciplina, ele foi uma pessoa muito dinâmica o que contribuiu para a bem sucedida carreira de comerciante.

Alberto tentou a princípio uma carreira na medicina, mas como não gostava de ver sangue, logo percebeu que aquilo seria impossível. Então, o pai Nicolau, não teve dúvidas, abriu um comércio para o filho em Sete Lagoas, já que em Sabará já sustentava a famosa e tradicional loja do Nicolau. Após a morte da mãe, ainda jovem, Alberto voltou para Sabará e passou a ajudar o pai no seu comércio.

A carreira do comerciante foi exemplar, a Loja do Nicolau cresceu e os filhos de Alberto foram assumindo o tradicional comércio sabarense.

Senhor Alberto tinha uma grande paixão por viagens, o filho Aloísio conta que foram vários os passeios por diversas cidades de Minas Gerais, uma de suas preferidas era Poços de Caldas. “Achava linda aquela cidade e sempre quando retornava à Sabará, apontava os defeitos daqui”, conta Aloísio.

Embora nunca tenha se envolvido diretamente com a política, era muito politizado e se revoltava com a atual situação que o país está passando.

A disciplina que orientava a sua vida, também se aplicava à sua saúde. “Ele era muito disciplinado. Tomava todos os remédios, cuidava muito bem da saúde, qualquer ‘gripinha’, marcava um médico. Teve bons médicos e criou boas relações com todos, ao ponto dos médicos ligarem para ele, para saber como estava”, conta.

O comércio o aproximou de todos da cidade, eram muitos os amigos e era conhecido de todos. “Aqueles que ele não se lembrava o nome cumprimentava como ‘primo’. Muitos eram os primos”, diz Aloísio sorrindo.

Os filhos deram sequência ao seu comércio. Hoje a loja do Nicolau continua no principal ponto da cidade, praça Santa Rita. Em um prédio de 1931, estilo neoclássico que leva o tradicional leão com as iniciais “N.M Nicolau Munaier”, pai de senhor Alberto. Segundo Aloisio, o leão é uma incógnita, mas ele acredita que o animal representa a força, expondo também o jeito de seu avô, que era uma pessoa vaidosa e gostava de marcar de certa forma seus bens, desde um objeto pessoal, como um relógio, até uma imóvel, como é o caso do prédio, tudo levava a sua marca, as iniciais N.M.

Da tradicional Loja do Nicolau surgiram a Nicolau Fashion, a papelaria Real, a tecidos Marilia e ainda outra loja do Nicolau no Siderúrgica. Todos os comércios são comandados pelos filhos que herdaram o tino comercial do pai.

Senhor Alberto partiu deixando cinco filhos, oito netos, três bisnetos e muitos momentos bons, disciplina, respeito, ensinamentos e sabedoria.

SOCIAIS
14 DE MAIO DE 2018
Ser mãe: um grande desafio
24 DE ABRIL DE 2018
Projeto Superar completa um ano
02 DE ABRIL DE 2015
Campanha Eu amo minha mãe!
27 DE JULHO DE 2018
E ela se foi: Nazinha!
04 DE DEZEMBRO DE 2018
DONA VÊNICA: uma vida exemplar
30 DE OUTUBRO DE 2018
Luta por uma vida mais digna
SIGA A FOLHA DE SABARÁ:
2015 © Todos os direitos reservados